Leônidas Cristino quer prioridade na execução das obras da BR-222

O parlamentar reuniu-se, nesta quarta-feira (26), com o ministro dos Transportes, Antonio Carlos Rodrigues, para discutir as obras na rodovia.

26/08/2015 às 17:54:00 | 179 visualizações

O deputado Leônidas Cristino (PROS-CE) reuniu-se, nesta quarta-feira (26), com o ministro dos Transportes, Antonio Carlos Rodrigues, representantes do Departamento Nacional de Infraestrutura e Transportes (Dnit) e prefeitos do Ceará para discutir as obras de construção, restauração e manutenção dos trechos da BR-222 no estado. A rodovia estende-se de Fortaleza à cidade de Marabá (PA), atravessando o Piauí e o Maranhão. Segundo o parlamentar, nos últimos três anos o Governo Federal fez um trabalho de recuperação, recapeamento e drenagem na estrada, mas ficaram alguns pontos críticos que ainda provocam muitos acidentes.

 “É preciso expor o que está acontecendo e verificar o que deputados e prefeitos podem fazer para solucionar o problema. As diversas paralisações e retomadas das obras ocasionam muitos transtornos para moradores e motoristas. É preciso priorizar a BR-222, uma vez que ela tem grande relevância para economia do estado”, afirmou o parlamentar.

O deputado destacou alguns trechos da BR que podem ser considerados como críticos: o que passa por Variante Frios (km 82); a construção do contorno da cidade de Umirim (km 87) e do contorno da cidade de São Luís do Curu (km 76); a construção dos viadutos na travessia urbana da cidade de Tianguá; a duplicação do trecho entre a BR-020 e a entrada para o Porto do Pacém; além da manutenção do trecho entre Fortaleza e a divisa com o Piauí; e a duplicação do anel viário de Fortaleza. “É preciso recuperar esses pontos para que toda a BR fique em condições de trafegar”, comentou.

O ministro explicou que o Governo Federal está buscando disponibilizar os recursos para a conclusão das obras. “Estamos aqui à disposição para discutir a melhor maneira de resolver a questão. Em relação à duplicação do anel viário, o governo já disponibilizou R$ 45 milhões, mas que ainda não foram utilizados”, frisou.  

Na avaliação de Leônidas Cristino, o encontro marcou o ponto de partida para que o problema seja finalmente resolvido. O parlamentar comprometeu-se a avaliar periodicamente a situação das obras e manter um diáologo permanente com o Dnit e com o Ministério do Transportes. 

 

Redação PROS na Câmara

Sem tags