PROS apresenta balanço do primeiro semestre de 2019

Confira a atuação dos parlamentares do PROS no primeiro semestre do ano.

17/07/2019 às 16:42:33 | 475 visualizações



A Bancada do PROS, conta com dez parlamentares e tem muito a comemorar em relação ao resultado da atividade legislativa realizada no primeiro semestre de 2019 no início da 56ª Legislatura (2019-2023).

Para o deputado federal e líder do partido Toninho Wandscheer (PR) o primeiro semestre teve como tema central a aprovação do texto-base da Reforma da Previdência.

"O PROS atuou à favor do Brasil! Foi um trabalho árduo, não foi fácil, mas isso é o mínimo que podemos fazer pelo cidadão que nos elegeu. Claro, nos posicionamos contra os artigos que penalizavam a população mais carente como o BPC, aposentadoria dos agricultores, entre outros temas que conseguimos retirar do texto original. Nossa Liderança respeitou a opinião de todos os deputados cada com o seu pensamento, com sua ideologia, uns votaram a favor e outros contra o texto. Temos liberdade de escolher e não definimos o pensamento de ninguém", afirma o deputado Toninho Wandscheer.

O PROS tramitou na Câmara dos Deputados, requerimentos, projetos, indicações, emendas e participou de debates que tiveram como temáticas a educação, reforma da previdência, a defesa dos direitos das mulheres, política antidrogas, direito do consumidor e a reforma tributária. O partido também recebeu dois novos deputados filiados Gastão Vieira (MA) e Uldurico Junior (BA).

Segundo Wandscheer, o segundo semestre também promete novos desafios para os parlamentares. "Acredito que no segundo semestre será concretizada a aprovação da Reforma da Previdência, e que se iniciará o debate da Reforma Tributária. Já contamos com duas vagas na comissão que vai debater o tema que são para a deputada Clarissa Garotinho e para o deputado Gastão Vieira. Nossos deputados sempre estão trabalhando nas comissões para que os assuntos sejam conduzidos dentro do Plenário", disse Toninho Wandscheer.

Confira abaixo um resumo do trabalho dos parlamentares:

Acácio Favacho (AP)
É o primeiro vice-presidente da comissão de Defesa do Consumidor e suplente de Minas e Energia. Favacho também participou como membro da comissão especial que analisou o texto-base da Reforma da Previdência e se posicionou favorável a PEC 61/15 que trata da liberação de recursos para os municípios.

Boca Aberta (PR)
É membro titular da comissão de Seguridade Social e Família e suplente na de Educação e Esporte. O parlamentar também é titular da comissão que discute o rompimento da barragem de Brumadinho (CPIBRUMA).

Capitão Wagner (CE)
É membro titular nas comissões de Defesa do Consumidor, de Segurança Pública, e de Reclusão por maus-tratos a animais (PL 1095/19) e suplente nas de Constituição e Justiça, no Fundo de Participação dos Municípios e na de Ciência e Tecnologia. O parlamentar também participou como membro da comissão especial que analisou o texto-base da Reforma da Previdência e foi escolhido como relator da comissão mista que analisa a MP 885 que trata da autorização da venda de bens apreendidos do tráfico.

Clarissa Garotinho (RJ)
É membro titular das comissões de Constituição e Justiça, de Mobilidade Urbana, da Secretaria da Mulher, e suplente na de Viação e Transportes. A deputada foi eleita como terceira vice-presidente da comissão especial da Reforma Tributária e é vice-presidente do Grupo Brasil-Espanha.

Eros Biondini (MG)
É membro titular nas comissões de Defesa do Consumidor, de Defesa dos Direitos da Pessoa Idosa e do Mercosul, e é suplente na de Minas e Energia. O deputado também participou da sessão solene em homenagem ao Dia Mundial das Doenças Raras e comemorou a decisão que autorizou a distribuição do medicamento Spinraza pelo SUS e o apoio do governo federal na luta no combate às drogas.

Gastão Vieira (MA)
É membro titular da comissão de Educação, do Fundo de Participação dos Municípios, e suplente nas comissões do Fundeb (PEC 15/15) e na da Reforma Tributária (PEC 45/19). O deputado também realizou na Comissão de Educação um seminário que debateu o Fundeb, “Financiamento da Educação Básica: qualidade, eficiência e equidade”. Vieira também irá realizar no mês de agosto o seminário “O Futuro do Financiamento da Educação” com o objetivo de discutir a Proposta de Emenda à Constituição do Fundeb (PEC 15/15). Além disso, o parlamentar defendeu a extinção da empresa binacional Alcântara Cyclone Space, no Maranhão e sempre participa de debates que tem como tema o futuro da Educação.

Toninho Wandscheer (PR)
É membro titular da comissão de Desenvolvimento Urbano e suplente na de Agricultura e Pecuária. Além disso, é o líder do PROS é o coordenador da Bancada do Paraná na Câmara dos Deputados. O parlamentar garantiu junto com a Bancada a aprovação pelo Congresso Nacional do PLN 4/19 que garante o crédito de R$ 1 bi para a Educação, especificamente universidades e institutos federais, e para a construção civil, por meio do Programa Minha Casa, Minha Vida.

Uldurico Junior (BA)
É membro titular da comissão de Defesa do Consumidor. O parlamentar filiou-se ao PROS no mês de abril e tem como suas bandeiras políticas a defesa ao meio ambiente e o debate para a melhoria nas políticas públicas para a Bahia.

Vaidon Oliveira (CE)
É membro titular na comissão de Minas e Energia e de Turismo e suplente na de Segurança Pública e Defesa do Consumidor. O parlamentar junto com a Bancada do Ceará cobrou do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT) a manutenção das rodovias federais, especialmente a manutenção da BR-403, trecho que liga os municípios de Acaraú, Cruz e Jericoacoara.

Weliton Prado (MG)
É membro titular da comissão de Defesa do Consumidor e suplente na de Segurança Pública na do Fundeb (PEC 15/15). Pelo segundo ano, Prado também assumiu a indicação de membro na Comissão Mista de Planos, Orçamentos Públicos e Fiscalização (CMO). Defensor do direito do consumidor o parlamentar deixou claro seu posicionamento no debate para que as concessionárias e permissionárias de energia elétrica informem nas faturas a tarifa que corresponde às perdas não-técnicas (furtos, fraudes, erros de leitura, medição e faturamento).

Redação PROS na Câmara